Relação do consumo de Whey Protein com benefícios a saúde

Whey protein é uma proteína extraída do soro do leite, é rica em aminoácidos essenciais e que possui alto valor nutricional, sendo bem digerida e facilmente absorvida contribuindo com um rápido aumento dos aminoácidos no sangue e consistem principalmente em α-lactoglobulina, β-lactoalbumina, albumina e imunoglobulinas.

Contém os peptídeos bioativos em suas sequências que atuam como promotor da saúde. Esses peptídeos bioativos apresentam vários benefícios à saúde, incluindo controle de peso, antidiabético, redução do estresse oxidativo celular.

Relação do consumo de Whey Protein com benefícios a saúde

Também estão presentes no Whey Protein os aminoácidos de cadeias ramificadas como a leucina, isoleucina e valina que atuam na síntese de proteínas e como constituintes de proteínas musculares, e por esse motivo tem sido utilizado para idosos, melhora da imunidade com o objetivo de manter o crescimento e a força muscular

Um estudo realizado por Corrochano et al ( 2018) com objetivo de determinar o destino e a bioatividade das proteínas do soro de leite bovino após a digestão gastrointestinal, demonstrou em seus resultados que β-lactoglobulina e α-lactalbumina protegem as células intestinais humanas da formação de radicais livres. A lactoferrina também aumentou significativamente as quantidades das enzimas antioxidantes intracelulares superóxido dismutase 1, 2 e tioredoxina. Os perfis peptídicos do isolado de proteína de soro de leite, β-lactoglobulina, α-lactoalbumina, albumina sérica bovina e lactoferrina revelaram vários peptídeos com potencial bioativo.

Lin et al (2020) avaliou uma dieta com suplementação rica em proteínas e pôde observar uma melhora na ingestão adicional de proteína por meio de aconselhamento dietético na manutenção da massa muscular e força em idosos sarcopênicos. A sarcopenia é definida como uma síndrome caracterizada por declínios na massa e força do músculo esquelético ou uma alteração na função física, que está relacionada com a perda da qualidade de vida em idosos por aumentar os riscos de quedas, traumas, fragilidades e outros. Atualmente no momento que estamos vivendo de COVID-19 a sarcopenia tem sido observada em internações prolongadas tanto em idosos que apresentam uma preocupação, mas também em jovens que ficam internados por longos períodos devido ao agravamento da COVID-19. Um estudo realizado com 56 idosos sarcopênicos, onde uma parte do grupo foi orientado a consumir uma dieta rica em proteínas comum por meio de aconselhamento, enquanto outro grupo recebeu um suplemento de proteína de soro de leite enriquecido com vitamina D e leucina por 12 semanas. Esse estudo mostrou que o grupo que recebeu suplemento obteve melhora na velocidade de marcha após 12 semanas da intervenção do suplemento, especialmente em indivíduos com menos de 75 anos.

Nabuco et al (2019), investigou os efeitos da suplementação de proteína de soro de leite associada a treinamentos de resistência na composição corporal, força muscular, capacidade funcional e biomarcadores do metabolismo plasmático em mulheres idosas. Pode-se concluir neste estudo que o Whey protein combinada com treinamentos de resistência contribui na diminuição da massa de gordura total, melhorando a sarcopenia o que contribui para minimizar a sarcopenia em mulheres com mais idade.

Relação do consumo de Whey Protein com benefícios a saúde

O uso do suplemento Whey Protein em idosos pode ser considerado uma alternativa interessante, principalmente porque nesta faixa etária muitos não conseguem atingir através da alimentação as recomendações proteicas diárias e esse grupo poderia beneficiar-se com o uso do suplemento.

Para atletas, diabéticos e pessoas que querem manter o controle do peso a suplementação é uma alternativa, desde que aliada a práticas de atividades físicas em conjunto com alimentação equilibrada.

Referências Bibliográficas

Nutritional status assessment in patients with Covid-19 after discharge from the intensive care unit. Clinical Nutrition ESPEN. Disponível em: Nutritional status assessment in patients with Covid-19 after discharge from the intensive care unit | Elsevier Enhanced Reader. 2021

Corrochano. A. R et al.  Intestinal health benefits of bovine whey proteins after simulated gastrointestinal digestion. Journal of Functional Foods. v. 49, p. 526-535, 2018.

Lin. C. C et al..Effects of adequate dietary protein with whey protein, leucine, and vitamin D supplementation on sarcopenia in older adults: An open-label, parallel-group study.Clinical Nutrition.  journals.elsevier.com/clinical-nutrition. 2020.

Nabuco. H. C. G et al. Effect of whey protein supplementation combined with resistancetraining on body composition, muscular strength, functional capacity,and plasma-metabolism biomarkers in older women with sarcopenicobesity: A randomized, double-blind, placebo-controlled trial. Clinical Nutrition ESPEN. n. 32,p. 88-95, 2019.

Derosa. G et al. Change of some oxidative stress parameters after supplementationwith whey protein isolate in patients with type 2 diabetes. Nutrition. v. 73, p. 2-5, 2020.

Texto elaborado por Roberta Saraiva Giroto Patrício.

CRN: 21984

Nutricionista Mestre em Ciências dos Alimentos pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo. No Laboratório de Dieta, Nutrição e Câncer.

Tema do Mestrado: Desenvolvimento de Material Educativo Digital para Divulgação Científica e Tecnológica da Nutrigenômica.

Experiência na área de saúde hospitalar e consultório com atendimento personalizado e individualizado.

Atualmente consultora científica para o Blog da Nutrify.

Rolar para cima