meditacao-como-e-por-que-blog-nutrify

Meditação: como e por quê? | Blog Nutrify

A meditação pode ser definida como um estado de consciência, uma técnica de autocontrole que serve para acalmar a mente e o corpo, através dela nos possibilita permitir ouvir e melhor a sabedoria do corpo.

Existem muitas formas de meditação, incluindo a resposta de relaxamento, meditações guiadas, meditação de atenção, meditação andando, meditação em movimento. O objetivo  da meditação é tranquilizar a mente, estar consciente no presente para encontrar um centro calmo em nós mesmos.

Os benefícios da meditação

A meditação apresenta muitos efeitos benéficos para saúde mental e física do ser humana, e cada vez mais tem sido comprovada cientificamente a sua capacidade de eficiência em uma serie de funções como, por exemplo, no controle da ansiedade, atenção, doenças cardíacas, controle do peso, melhora da auto-estima dentre outros benefícios associados a sua prática.

O estudo realizado por Yun et al (2020), com alunos do ensino médio teve como objetivo verificar os efeitos da meditação na atenção acadêmica, a capacidade de concentração na sala de aula e no seu bem estar. Esse estudo mostrou  os efeitos positivos na concentração desses alunos. Outro fator de relevância foi a satisfação com a vida desses alunos, ilustrando uma melhora bem significante após o curso de meditação de oito semanas.

Monk-Turner realizou um experimento que durou quatorze semanas. Dois grupos foram divididos entre os que realizaram a meditação e os que não realizaram a meditação, sendo a idade média dos participantes de 24 anos e a maioria do terceiro ano da faculdade. Uma série de variáveis foram avaliadas, como sentir-se chateado com as críticas dos outros, tomar tranqüilizantes ou fazer uso de drogas para mudar o humor e dores musculares e nas articulações. Observou-se que os meditadores tiveram menos sintomas de dores musculares ou nas articulações e também menos uso de drogas e tranquilizantes, além de terem melhor adesão a críticas. Esses resultados mostram que a meditação é benéfica em diversos aspectos.

Outros estudos mostram que a meditação pode atuar como adjuvante nas intervenções de redução de risco cardiovascular, contribuindo para melhorar os quadros de hipertensão, diabetes, hipercolesterolemia, acidente vascular cerebral, doença coronariana. A meditação pode contribuir para aumentar o relaxamento físico e mental, levando a melhores resultados após eventos cardiovasculares. A inclusão da prática de meditação na rotina está relacionada a  uma menor prevalência de fatores de risco cardiovascular.

Sampaio et al (2016) verificou a eficácia da meditação na redução dos níveis de ansiedade em indivíduos em um programa de manutenção e perda de peso. Pode entender e concluir neste estudo que a meditação reduziu de forma considerável a ansiedade dos obesos na fase de manutenção do peso, sendo considerado um recurso eficaz para o emagrecimento e a manutenção do peso.

Insônia

Pessoas com insônia podem se favorecer com a prática de meditação. Essa técnica auxilia o corpo e a mente a relaxar evitando pensamentos negativos e preocupações com a rotina da vida atual, é um momento de entender a si mesmo e colocar em prática o autocontrole e autoconfiança.

Melhora do sistema imunológico

Durante a meditação áreas do cérebro ligadas a pensamentos positivos são ativadas, e esses mecanismos ativam enzimas que atuam no sistema imunológico, aumentando o número de anticorpos que auxiliam na prevenção de doenças fortalecendo o sistema imunológico.  A meditação também auxilia no alívio dos sintomas da depressão, melhora o humor e o sistema cardiovascular através da respiração, confiança e autocontrole.

Como meditar

Existem inúmeras técnicas e o mais importante é encontrar aquela que te agrade. De qualquer forma, o objetivo é se desligar. Geralmente o processe se resume em:

Procure identificar um lugar calmo sente e feche os olhos, deixe sua mente livre de pensamentos negativos. Feche os olhos e sinta o silêncio a seu redor. Se houver barulho no ambiente concentre-se em seus sons. Inale profundamente o ar e depois expire lentamente. Mantenha concentrado na respiração enchendo seu corpo e depois o esvaziando.

Meditação Transcedental

Este tipo de técnica também é conhecido como meditação consciente, foi introduzida em 1958 por Maharishi Mahesh Yogi  a técnica permite que a mente do praticante se acalme atingindo um estado de “vigilância tranqüila”. Durante a prática, o corpo e a mente atingem um estado de repouso eliminando as tensões e estresse, ela é muito eficaz para casos de depressão, insônia, síndrome do pânico, hipertensão e outros. Essa técnica de Meditação Transcendental é baseada na antiga tradição Védica da Índia e tem sido passada de geração em geração.

Mindfulness

Mindfulness, ou atenção plena, significa estar em seu estado de consciência aumentada livre de julgamentos, estar atento à sua respiração e criar estado de paz.

Meditação Cristã

Forma de meditar seguindo os preceitos do cristianismo, nesta prática repete uma oração ou palavra especifica com objetivo de conectar-se a experiência divina. A meditação cristã é marcada dede a época dos primeiros monges.

Meditação Vipassana

Vipassana, tem como significado enxergar as coisas como realmente são, conhecida como uma das mais antigas técnicas de meditação da Índia. Descoberta por Buda Gotama a técnica visa a total eliminação de impurezas mentais sendo a cura do sofrimento humano o seu essencial propósito.

Meditação Zazen

Zazen é a base da prática Zen Budista, essa técnica tem como objetivo  apenas sentar, com a mente aberta, deixando pensamentos livres sem apegar-se a eles. O zazen pode ser realizada de forma individual e privada, mas a prática em grupo costuma ser mais eficaz e estimulante.

Quais os melhores horários para meditar?

A escolha do horário é individual, é importante identificar o melhor horário para estabelecer uma rotina, inicie com quinze a vinte minutos, não inicie com períodos longos porque a chance de desistência pode ser maior, comece aos poucos e vá se acostumando o importante é dar continuidade a essa nova rotina.

Posso meditar deitado? 

A melhor posição para realizar a meditação é sentado, nesta posição as chances de ficar com sono e dispersar os pensamentos são menores. No caso de pessoas que se encontram impossibilitadas de sentar-se pode ser realizado a meditação deitada.

Pode meditar com barulho? 

Para realização da meditação deve desligar-se de fatores externos, podendo meditar em qualquer situação. À medida que ocorre a concentração o barulho não incomoda é uma questão de adaptação foque na mente, na respiração, deixe a mente livre e o barulho não fará diferença.

Conclusão

A meditação é uma técnica usada há muito tempo e seus benefícios aliados a concentração, confiança, e prevenção de doenças estão sendo cada vez mais estudados e comprovados.

A Nutrify, como incentivadora de um estilo de vida saudável, não poderia deixar de indicar a meditação como prática e grande aliada de uma vida em equilíbrio.

 

CONHEÇA OS PRODUTOS NUTRIFY!

 

Referências Bibliográficas

Yun. M. R et al.Effects of School-Based Meditation Courses on Self-Reflection, Academic Attention, and Subjective Well-Being in South Korean Middle School Students. Journal of Pediatric Nursing. v. 54, p. 61-68, 2020.

Monk-Turner. E The benefits of meditation: experimental findings. Journals & Book. v.40, n. 3, p. 465-470, 2003.

Krittanawong. C et al. Meditation and Cardiovascular Health in the US. Journals & Books. v. 131, n 15, p. 2326, 20202.

Sampaio. C.V.S et al. Efficacy of Healing meditation in reducing anxiety of individuals at the phase of weight loss maintenance: A randomized blinded clinical trial. Complementary Therapies in Medicine. v.29, p.1-8, 2016.

Você conhece o crudívorismo? | Blog Nutrify

Rolar para cima