Ácido Hialurônico: O que é, para que serve e benefícios

Em 1930 o ácido hialurônico foi isolado a partir de diferentes tecidos como cordão umbilical, coroa de frango, cepas de Streptococcus entre outros. Sendo que o maior conteúdo de ácido hialurônico inicial foi encontrado na crista de galo. No entanto, o ácido hialurônico obtido a partir da crista de galo é considerado de alto custo e a obtenção pela fermentação bacteriana se tornou mais viável e vantajosa devido ao fluxo de processo simples, sem restrição de matéria-prima, baixo custo, alta qualidade do produto e mais viável ambientalmente. Em 1980 as investigações a partir da produção microbiana passaram a evoluir de forma rápida devido às vantagens na qualidade do produto e também aos fatores ambientais.

O que é ácido hialurônico?

O ácido hialurônico é um glicosaminoglicano linear que consiste em N-acetil-D-glucosamina e ácido D-glucurônico, é naturalmente encontrado no corpo e é composto por várias subunidades com capacidade de atrair e reter água. Este ácido possui propriedade hidratantes e estimulantes do colágeno cuja função é minimizar os efeitos do tempo como as rugas e linhas de expressão.  

Qual é a origem do ácido hialurônico?

O ácido hialurônico pode ser obtido a partir de animais ou fermentação de bactérias. A fermentação de bactérias possui algumas vantagens como a permissão da produção em escala industrial devido à ausência de proteína animal e que parece provocar menores reações alérgicas, sendo essa forma a mais utilizada. Pode ser obtido através de fontes animais como pele, articulações, fluído sinovial, crista de galo e cordão umbilical.

Para que serve o ácido hialurônico?

O ácido hialurônico possui função de hidratação devido à sua capacidade de reter água o que auxilia na prevenção do surgimento de linhas de expressão e também na sinalização e reparo de feridas sendo um componente chave na regeneração dos tecidos quando sofrem lesão. Possui atividades anti-inflamatórias, imunomodulador e propriedades cosméticas. O ácido hialurônico auxilia na retenção do colágeno e elastina promovendo a beleza da pele.

Como o ácido hialurônico age na pele?

Com o avançar da idade o ácido hialurônico reduz, o que pode contribuir para a desorganização das fibras de colágeno e elastina, podendo favorecer o surgimento de linhas finas da pele, rugas e dobras nasolabiais, além de aumentar a secura e também a capacidade de reter a umidade na pele. A capacidade de reter umidade do ácido hialurônico resulta em uma pele mais macia, lisa e hidratada. A sua suplementação está associada à melhorias na textura da pele devido à hidratação, prevenção de rugas nasolabiais e pele mais hidratada.

Benefícios do ácido hialurônico

O ácido hialurônico possui diversas funcionalidades como sinalização celular, cicatrização de feridas, regeneração de tecidos, tratamento de doenças articulares, firmeza e sustentação, hidratação da pele dentre outras funções.

Firmeza e sustentação

O ácido hialurônico auxilia na sustentação da pele porque auxilia na retenção do colágeno e elastina contribuindo para a sua beleza.

Auxilia na elasticidade

A elasticidade é melhorada com o uso do ácido hialurônico justamente pela capacidade de hidratação e estimulação da produção das fibras de colágeno, melhorando a firmeza, elasticidade e beleza da pele.

Diminui rugas e linhas de expressão

Devido à sua capacidade em auxiliar na absorção do colágeno, e também pela função de reter água, esse ácido deixa a pele mais hidratada e esse mecanismo previne a formação de linhas de expressão e pregas nasolabiais, a deixando mais bonita e jovial.

Hidratante

O ácido hialurônico é uma molécula que possui a capacidade de se ligar 1000 vezes ao volume de água. E essa capacidade torna a pele mais úmida, tonificada e hidratada a deixando mais macia, hidratada e bonita.

Quais são os tipos de ácido hialurônico?

Cápsulas

As formas de capsulas podem ser indicadas por nutricionista, dermatologista e nutrólogo. Essa indicação será feita após a avaliação individualizada do profissional. As cápsulas são fáceis de serem ingeridas. Além das cápsulas, o ácido hialurônico pode ser encontrado também na forma de pó.

Creme

A forma de creme é indicada pelo dermatologista para aplicação na pele após a avaliação individualizada. Sua função também é de atuar nas linhas de expressão e promover a umidade da pele.

Injetável

Esse produto também indicado para o preenchimento de rugas, linhas de expressão do rosto, sulcos e aumento dos lábios. Consulte um dermatologista para poder orientá-lo de forma objetiva sobre os benefícios da utilização desse produto na forma injetável

Quais são as contraindicações do ácido hialurônico?

O ácido hialurônico não possui muitas contraindicações, porém, pessoas com alergias ou sensibilidade ao componente não devem fazer uso. As grávidas e lactentes devem conversar com o seu médico sobre o uso do produto. Antes da utilização, deve-se consultar um profissional para orientá-lo sobre a melhor forma de administração seja pela via oral, aplicação de cremes na pele ou a forma injetável. O profissional especialista irá orientar de forma clara e segura.

Conclusão

O ácido hialurônico tem sido considerado um auxiliador na saúde e beleza da pele, proporcionando maior autoestima devido aos benefícios oferecidos com a introdução de forma eficaz. Consulte sempre um profissional, dessa forma o produto será direcionado de acordo com os objetivos individuais, sua utilização será mais aproveitável e trará mais benefícios.

Referências Bibliográficas

Hyaluronic acid and its biomedical applications: A review.Engineered Regeneration v1, p.102–113, 2020.

Bukhari S. N. A et al. Hyaluronic acid, a promising skin rejuvenating biomedicine: A review ofrecent updates and pre-clinical and clinical investigations on cosmeticand nutricosmetic effects. N. A. Bukhari et al. / International Journal of Biological Macromolecules v.120, p. 1682–1695, 2018.

Zhu. J et al. Applications and delivery mechanisms of hyaluronic acid used for topical/transdermal delivery–A review.International Journal of Pharmaceutics. V. 578, p.119127, 2020.

Yao. Z. Y et al. Versatile strategies for bioproduction of hyaluronic acid driven by synthetic biology.Carboydrate Polymers. v. 264, p. 118015, 2021.

Texto elaborado por Roberta Saraiva Giroto Patrício.

CRN: 21984

Nutricionista Mestre em Ciências dos Alimentos pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo. No Laboratório de Dieta, Nutrição e Câncer.

Tema do Mestrado: Desenvolvimento de Material Educativo Digital para Divulgação Científica e Tecnológica da Nutrigenômica.

Capítulo de livro: Roberta Saraiva Giroto Patrício, Thomas Prates Ong. Nutrigenômica. in Dan L Waitzberg. Fisiologia da Nutrição: na saúde e na doença. Editora Atheneu 2013.

E-Book Sociedade Brasileira de Mastologia: Estilo de vida após o câncer (Hábitos e vícios, dieta e atividade física) 2021.

Experiência na área de saúde hospitalar e consultório com atendimento personalizado e individualizado. Atualmente consultora cientifica para blog da Nutrify.

Rolar para cima